FANDOM


ATENÇÃO: Este artigo ou secção não cita as suas fontes ou referências, em desacordo com a política de verificabilidade. Ajude a melhorar este artigo providenciando fontes confiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto ou em notas de rodapé.

AlegaçãoEditar

Não há nada digno de glória na doutrina da evolução, com sua filosofia de que o direito está na força, na sobrevivência do mais apto.


RespostaEditar

Esse tipo de argumento é uma falácia, dizendo que a forma como as coisas são implica em como elas deveriam ser. É como dizer que porque um braço está quebrado ele deveria continuar quebrado.

E o próprio Darwin jamais usou esses termos. O correto é a sobrevivência do mais apto. Bactérias não são mais fortes que seres humanos, e no entanto muitas delas podem nos matar facilmente. Mas isso não significa que essa é a forma correta que as coisas devem ser.

A evolução é descritiva, ela descreve a natureza como ela é, e não como ela deveria ser.

E nós, seres humanos, nos tornamos mais aptos usando nossa mente para ajudarmos uns aos outros, em cooperação e respeito mútuos.